Oncologia
Conheça melhor os nossos procedimentos.

oncologia

Como são os cânceres diagnosticados e tratados?

 

Há uma série de exames que podem auxiliam no diagnóstico de tumores malignos, incluindo exames de sangue, exame físico e uma variedade de exames de diagnóstico por imagem, que incluem raios-X (por exemplo, radiografia de tórax, mamografia), Tomografia computadorizada (TC), Ressonância magnética (RM) e ultra-sonografia. Porém o diagnóstico de certeza não pode fechado até que seja realizada uma biópsia, ou seja, até que um pequeno fragmento de tecido seja retirado e examinado por um patologista. Cirurgia aberta é as vezes realizada para obter uma amostra tecidial para a análise do patologista. Porém, na maioria dos casos as amostras de tecido podem ser obtidas sem cirurgia, com técnicas de radiologia intervencionista guiada por métodos de imagem.

Como podem os radiologistas intervencionistas melhorarem o diagnóstico e o tratamento dos pacientes com câncer?

 

Muitos procedimentos minimamaente invasivos para o diagnóstico e o tratamento de câncer podem ser realizados a nível ambulatorial ou com internação hospitalar de curta duração. Esses especialistas usam imagens geradas por raios-X, ultra-som ou outras técnicas de imagem para guiar pequenas ferramentas de trabalho, como finos cateteres diretamente no sítio do problema.

Entre as possibilidades, estão:

 

Biópsias guiadas por ultra-sonografia, tomografia computadorizada ou ressonância magnética.
Novas opções de tratamento, como por exemplo a ablação de lesões do fígado.
Opções menos dolorosas e de recuperação mais rápida, como a vertebroplastia.
Opções para o câncer que já se espalhou (metastases).
Vias de acesso venoso para a administração de agentes quimioterápicos, com implante de cateteres profundos para que a administração destes medicamentos seja mais confortável e segura.


Comentários